Início | Estudos Multiplos | Meio Ambiente | Cultura e Arte | Administrativo | Fale Conosco
 

Artigos

OLHAR DA CURADORA - Marly
Lilian França

Currículo resumido:


Francisca Freitas Santos, pernambucana, de nome artístico Marly, entrou para o mundo das artes há onze anos, sobre a influência do artista plástico Elias Santos. Teve participação em duas exposições individuais e em várias coletivas. Em 2001 participou do 11o Salão dos Novos e foi premiada com o 1o lugar. Suas obras tem participação em vários catálogos da Galeria Jenner Augusto - Espaço Semear (“Misericórdia” - 2006, “Gravuras de Inverno” – 2006, “Gravuras de Inverno” – 2007, “Águas de Março” – 2007, - “Crendices e Simpatias” – 2008, “Incisões no Tempo” – (Set/2008), “Solidariedade com Arte”), Correios (“Gravuras de Inverno” – 2007, “Gravura de Inverno” – 2008, , Galeria Álvaro Santos (“Visitando Acervos II” – 2005), Galeria J. Inácio (“A Mulher e o Objeto” – Abril de 2005) e Petrobras (“Petrobras Fertilizando o Brasil” – 2008).


Sobre as obras:

A doce senhora de olhos claros e cabelos grisalhos, Marly, de fala mansa e jeito meigo, quando entra em seu atelier assume uma personalidade ainda mais rica e forte, nem sempre fácil de compreender diante de uma figura tão singela. Seus quadros são de “tirar o fôlego”, fantasmas ganham tridimensão como se saíssem de fato do tecido em que foram pintados. Suas gamelas esculpidas dão novos caminhos a xilo, que também se apresenta em enormes folhas de papel, demonstrando segurança e habilidade no ato de gravar. Atualmente, seu objeto eleito é o guarda-chuva. Com pano, sem pano, novos, velhos, de crianças, costurados a tela, dissecados,, pendurados em paredes, desnudados, tratados até parecerem de couro, gravados, estampados, inauguram uma nova linguagem para algo tão comum. Para a exposição Marly criou dois conjuntos de obras compostas por caixas de madeira enceradas com óleo diesel, e guarda-chuvas cortados na maquita e atravessados por grandes parafusos. O resultado corresponde a uma verdadeira obra de arte contemporânea, com toda inquietude e instigação que lhe são próprias. Bem distante do universo bucólico que se antevê ao conhecer Marly.

FONTE: Catálogo Desfiando o Rosário - Ultima Atualização: 28/12/2010

Sociedade Semear - Todos os Direitos Reservados
Rua Leonardo Leite, 148 - São José - Aracaju - Sergipe - Tel: (79) 3022-2052